quarta-feira, 21 de novembro de 2012

Resenhas - Nightwish - Imaginaerum (2011)

Resenhas

Esta seção apresenta análises críticas dos editores, afim de propor debates e discussões – o mais construtivas possível – sobre o álbum resenhado.


A resenha é uma abordagem que se propõe a construção de relações entre as propriedades de um objeto analisado, descrevendo-o e enumerando aspectos considerados relevantes sobre ele. No jornalismo, é utilizado como forma de prestação de serviço. Pode ser texto de origem opinativa e, portanto, reúne comentários de origem pessoal e julgamentos do resenhador sobre o valor do que é analisado.






Nightwish - Imaginareum (2011)


Preciso admitir, eu odeio o Nightwish. Bom, eu os odiava quando mais jovem. Sério, eu nunca consegui compreender o porquê desta banda ter crescido tão vertiginosamente no cenário do Metal, enquanto as bandas que eu tanto gostava não conseguiam um centímetro de espaço na mídia, TV e até rádio. Em algum momento, percebi que boa parte da base de fãs dos finlandeses, não fazia parte da cena do Metal, e essas menininhas de cabelo tingido de preto e lápis de olho, que tentavam parecer com a Tarja – ou com o Tuomas, vai saber – não acompanhou a evolução da banda, que conta hoje, apenas com os fãs mais fiéis, o que ainda representa alguns bons milhões.

terça-feira, 20 de novembro de 2012

Unlimited Awards - TOP 5 (2011)

Unlimited Awards






Esta seção apresenta listas diversas e seleções dos temas mais variados, feitas pelos editores. Objetiva-se estimular a discussão  e os debates, recebendo as opiniões dos leitores e as colocando em paralelo.



________________________________________________________________

O fim de 2012 está chegando, para entrar no clima das listas e eleições de melhores do ano, o Unlimited Decibels relembra a nossa lista de melhores discos do ano que passou. Recordar é viver.


Em 23 de novembro de 2011:

O ano já está no fim, os primeiros releases de 2012 já começam a vagar pelo maravilhoso oceano de bytes que tanto tem prejudicado a indústria musical. E o gênero que mais duramente se agarra ao mercado de Cds, o Metal, pode dizer que 2011 foi um bom ano. Em minha opinião, tivemos discos incríveis neste ano que termina, e também algumas decepções terríveis. A seguir, apresento aos meus queridos amigos, aqueles que ainda guardam um pouquinho da sua atenção para ler o que eu escrevo sobre este estilo tão extremo de música, o incrível Mundo do Metal, os 5 melhores álbuns do ano, para mim, algumas menções honrosas, e outros que acho que valem a pena ser citados. Espero que vocês leiam, comentem e dêem suas opiniões.A vocês, os poucos e bravos admiradores do Metal, dediquei parte do meu tempo escrevendo isto. Escutem os álbuns e divirtam-se.
________________________________________________________________


5 - Amorphis - The Beggining of Times

Por ter saído lá no comecinho do ano, quase nem parece que “The Beginning of Times” é de 2011. O Amorphis é uma das melhores bandas do mundo, na atualidade, na minha opinão. Não é qualquer banda que lança 4 cds de grande nível em seguida. The Beginning of Times pode ser o pior destes 4 últimos CDs da banda, mas o nível é tão alto, que ainda figura entre os 5 melhores do ano.  Tomi Joutsen tem uma voz incrível, única no metal, capaz de atingir dois extremos sem trabalhos. Battle for Light e, especialmente You I Need, demonstram a capacidade da banda de conciliar melodias lindas com um peso absurdo. Excpecional cd. (8/10)